segunda-feira, 7 de março de 2011

Filosofia INTRODUÇÃO A FILOSOFIA


Tema preparatório para ingresso ao ensino superior.
A palavra filosofia é grega. É composta por outras duas: philo e sophia.
- Philo deriva-se de philia, que significa amizade, amor fraterno, desejo, respeito entre os iguais.
- Sophia quer dizer sabedoria e dela vem à palavra sophos, sábio.
            Filosofia significa, portanto, amizade pela sabedoria, amor e respeito pelo saber, busca pelo saber.
A filosofia indica um estado de espírito, o da pessoa que ama (é um sentimento), isto é, deseja o conhecimento, o estima, o procura e o respeita.
            Filósofo: o que ama a sabedoria tem amizade pelo saber, deseja saber, busca o saber conscientemente.


O Mito
Um mito é uma narrativa tradicional com caráter explicativo e/ou simbólico, profundamente relacionado com uma dada cultura e/ou religião.
O mito procura explicar os principais acontecimentos da vida, os fenômenos naturais, as origens do Mundo (cosmos) e do Homem por meio de deuses, semi-deuses e heróis (todas elas são criaturas sobrenaturais), por exemplo, a mitologia grega e a mitologia romana.
Ao mito está associado o rito. O rito é o modo de se pôr em ação o mito na vida do Homem (ex: cerimônias, danças, orações, sacrifícios...).

Diferença entre Mito e Filosofia
- Mito: despreocupação com eventuais contradições, narrativas sobre eventos sobrenaturais e mágicos, divinos fundamentado na fé e confiança dos seus ouvintes.
- Filosofia: não admite contradições, a explicação não esta no filósofo, no narrador, mas da razão, a qual é equivalente em todos os seres humanos. A Filosofia nasce como nova abordagem do real. Ela rejeita o sobrenatural, a interferência de agentes divinos na explicação dos fenômenos. Busca coerência interna, a definição rigorosa, dos conceitos  como pensamento abstrato. A razão pode almejar explicar algo que seja verdade universal. Ela é a capacidade intelectual para pensar e exprimir-se correta e claramente, para pensar e dizer as coisas tais como são. A razão é uma maneira de organizar a realidade pela qual esta se torna compreensível.

Exemplo de mito: Ex: 1.
 Na teologia protestante e católica, o Anjo Caído é um anjo que cobiçando um maior poder, acaba se entregando às trevas e ao pecado.

Ex: 2. 
Na mitologia grega Zeus era deus do céu e da Terra, senhor do Olimpo, deus supremo. Conhecido pelo nome romano de Júpiter. Era casado com Hera, e pai de diversos deuses, como Atena, Artemis, Apolo e Afrodite.

Nenhum comentário: